As oficinas de dança do projeto "Corpo Inclusão", idealizado pelo Instituto Olga Kos, estão em pleno andamento na EMEF Frei Damião. E a empolgação para a apresentação final, que ainda não tem data definida, já toma conta dos instrutores e dos 60 participantes, com e sem deficiência.

Para celebrar a culminação do projeto, que visa promover a saúde, o bem-estar e a inclusão social por meio da dança, os instrutores já iniciaram a confecção do figurino que será utilizado pelos participantes na grande performance. Cada peça está sendo cuidadosamente elaborada para garantir conforto, liberdade de movimentos e, acima de tudo, a expressão individual de cada participante.